Seviços

Portfólio

Blog

Contato

Curiosidades - 02 de dezembro de 2016

Saiba o que é Taxa de Rejeição e como perder o medo dela

Talvez você já tenha acessado o Google Analytics e ficou se perguntando por sua taxa de rejeição é tão alta.

Bom , vamos tentar explicar o que é essa tal Taxa de Rejeição, que ela não é esse monstro que se imagina e como melhorar seu percentual.

Segundo o próprio Google, taxa de rejeição é o percentual de sessões de uma única página. 
Ou seja, sessões nas quais a pessoa saiu do seu site na página de entrada sem interagir com ela navegando para outras páginas.
Isso não deve ser encarado sempre como rejeição, visto que por muitas vezes o usuário pode ter encontrado o que procurava nessa única página acessada. 
Mas como o script do google processa apenas se o usuário interagiu navegando para outra página do com seu site, um acesso pode ser tomado como rejeitado quando na verdade foi tão eficaz na apresentação da informação que nem foi necessário avançar para as outras páginas do site. 

Um exemplo claro é quando um usuário acessa seu site apenas para pegar o telefone ou quando procura por um produto seu apenas para cotar preços por exemplo.

Em contra partida, diversos fatores contribuem para uma alta taxa de rejeição. 
Por exemplo, os usuários podem sair do seu site na página de entrada se houver problemas de design ou dificuldade de uso. 
Opcionalmente, os usuários também podem sair do site depois de visualizar uma única página, caso eles tenham encontrado a informação desejada nela e não tenham interesse em acessar outras páginas.


Tenha em mente que o termo "Taxa de Rejeição", ainda que seja um termo pesado, precisa ser interpretado corretamente. Muitas vezes a informação já foi obtida e, mesmo que haja mais conteúdo em seu site, o usuário já encontrou o que procurava e simplesmente saiu.

Se mesmo com a explicação acima você ainda faz questão de levar a Taxa de Rejeição mais à serio ainda, tenha em mente que, por  não haver um padrão ideal, considera-se "aceitável" a taxa que varie entre 30 a 45%.

Seguem alguns motivos para uma alta taxa de rejeição:

Site de única página.
Se você tem apenas uma página no seu site, o Analytics não registra várias exibições de página, a menos que os usuários atualizem a página. 
Como resultado, sites de única página costumam ter altas taxas de rejeição. 
Para descobrir como as pessoas usam esse tipo de site, implemente outros métodos de acompanhamento de conteúdo, como Eventos.
 
Implementação incorreta
Se um site de várias páginas apresenta uma alta taxa de rejeição, verifique se você adicionou o código de acompanhamento a todas elas. 
Procure ajuda com o profissional responsável e indague se ele realmente incluiu o código em todas as páginas.
 
Design do site
Se todas as suas páginas tiverem o código de acompanhamento, mas a taxa de rejeição ainda for alta, avalie a possibilidade de:

Projetar novamente as páginas de entrada (ou de destino)
Otimizar essas páginas para que elas tenham uma melhor correlação com os termos de pesquisa que atraem usuários ao site, com os anúncios que você exibe ou com as palavras-chave que você compra
Alterar os anúncios ou as palavras-chave para refletir melhor o conteúdo da página.
Faça experiências com alterações em todo o site para otimizá-lo com Experiências de conteúdo.
 
Comportamento do usuário
Outros fatores podem ser atribuídos somente ao comportamento do usuário. 
Por exemplo, se um usuário adicionar uma página como favorita no seu site, acessá-la e sair, considera-se uma rejeição.
 

Melhorar sua taxa de rejeição

Como o design do seu site e a implementação do Analytics podem afetar sua taxa de rejeição, melhorá-la requer alterações específicas e personalizadas ao site e à configuração. 
A taxa de rejeição e as maneiras de melhorá-la são tão particulares quanto sua empresa.

Analise os dados específicos. A taxa de rejeição geral do site inteiro pode variar muito devido a diferentes atividades de marketing que ocorrem simultaneamente. 
Considere sua taxa de rejeição para origens de tráfego específicas. O uso de outras dimensões, como mídia, campanha e página de destino, para avaliar sua taxa de rejeição também pode ser mais aplicável do que sua taxa de rejeição geral.

Avalie e ajuste os fatores que podem contribuir para sua taxa de rejeição, como layout do site e navegação. 
Use apenas seu desempenho passado como rubrica e tente melhorar sua taxa de rejeição atual relativa aos seus dados anteriores. 
Dê tempo suficiente entre as alterações para coletar dados suficientes para avaliar o impacto delas nos usuários e nos seus comportamentos. 
Use as Experiências de conteúdo para ajudar você.
 

E o mais importante:


Tenha em mente que cada site, cada negócio tem suas peculiaridades.
Se seu site ou loja virtual tem uma quantidade grande de produtos e a concorrência é muito grande, muitos aspectos podem elevar sua taxa de rejeição tais como:

1) Um concorrente que acessou apenas para ver um preço e comparar com o dele.

2) Links externos que vc criou e que não abrem  a página especifica do produto procurado. 
Ex: Você cria um link no Facebook informando que tem um produto em promoção, mas coloca um endereço para a página inicial de seu site. 
Isso é um erro grave, nem sempre o usuário vai estar tão interessado a ponto de ficar procurando o que quer pelo site.
Lembre-se sempre, a experiência da pagina de destino influencia o índice de qualidade.

3) Nunca cadastre seu site em locais onde se vendem acessos, quem acessa não tem necessariamente interesse no seu serviço/produto e irá sair em segundos do seu site.

Em resumo, não tenha tanto medo da Taxa de Rejeição quando esse termo estiver ligado ao Analytcs pois é uma métrica que não deve ser usada sozinha e sim em conjunto com todas as outras oferecidas pelo Google. 
E se precisar de ajuda... conte sempre conosco !!

Compartilhe